Ultrassonografia morfológica de primeiro trimestre

Ultrassonografia morfológica de primeiro trimestre

Idade gestacional a ser realizada: entre 11 semanas e 13 semanas e 6 dias

Objetivos: confirmar a idade gestacional através da medida do CCN (comprimento crânio-nádegas), avaliar a transluscência nucal, presença do osso nasal, fluxo de válvula tricúspide, ducto venoso, transluscência intracraniana, além da avaliação da anatomia fetal passível de visualização nesta fase, os quais juntos permitem calcular riscos de anomalias cromossômicas (risco para Síndrome de Down e outras doenças), e em associação com o Doppler de artérias uterinas, o risco de pré-eclâmpsia e de restrição de crescimento intrauterino. São também estudadas a quantidade de líquido amniótico, a posição e as características da placenta. O exame não faz o diagnóstico de doenças genéticas, apenas serve de alerta para que o médico avalie a necessidade de outros exames complementares, como uma biópsia de vilo corial ou a amniocentese.

Duração: 40-60 minutos

Limitações: posição fetal, obesidade materna, erro de datação. Por se tratar de idade gestacional precoce, algumas doenças ou detalhes da anatomia fetal podem não ser adequadamente avaliados. Aproximadamente 35% das malformações identificáveis no pré-natal podem ser vistas nesta época, sendo o seu diagnóstico fundamental nesta fase da gravidez, pois em algumas situações, existe a possibilidade de tratamento intrauterino. A complementação da avaliação anatômica do feto e o diagnóstico das demais anormalidades deve ser feita no exame morfológico de segundo trimestre, entre 18 e 24 semanas.

VENHA PARA A CÓRION

Agende seu exame agora

AGENDAR EXAME